The way everyone can enjoy it!

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

The Strangers


O filme que mistura terror, thriller e suspense numa hora e meia de emoção e de tensão, que nos vai deixar agarrados e colados ao ecrã. O filme foi um sucesso de bilheteiras e conseguiu superar as expectativas esperadas, claro que a promoção e a divulgação referindo que este filme foi produzido pelos mesmos produtores do the ring e do the grunge, dois mega sucessos (de bilheteira) do cinema de terror, ajudou ao sucesso criado. Já no que toca ás críticas, o filme divide opiniões, sendo que para uns o filme é bom, para outros o filme não correspondeu com as suas expectativas.
O filme conta a história de um casal que se encontra numa casa no meio de uma floresta, vindos de uma festa de casamento de um amigo. A história passasse durante a madrugada e a acção intensificasse quando James sai de casa para ir comprar tabaco, ficando Kristen sozinha em casa depois de alguém lhes ter batido à porta.
Apesar da mistura de críticas e reacções ao filme, eu gostei do filme, aliás eu gostei muito do filme, pois cria um ambiente sufocante e com um terror psicológico que poucos filmes dos género conseguem fazer. O terror do filme não passa por cenas macabras ou chocantes ou mesmo por criar sustos, mas sim, é um terror muito mais humano e demonstra o medo de perder a vida, principalmente por psicopatas que gostam de cultivar o medo antes de atacar as vítimas. Este filme foi muito bem conseguido, pois deixa-nos mesmo a quer que os personagens se safem, criando um sentimento nervoso a cada investida dos criminosos. Tal como noutros casos a falta de terror visual e genérico, pode levar a que muitos fiquem desapontados com o filme, mas acho que os fãs de filmes até mais de thriller e suspense vão gostar, pois a sua intensidade é fantástica.



Pontos Positivos:
- Ambiente Vintage mais anos 70
- Intensidade
- Representação

Pontos Negativos:
- Cenários
- Linha de História, isto é, apesar de o filme ser bom, não têm muito para contar

Rate: 8/10

Sem comentários:

Enviar um comentário