The way everyone can enjoy it!

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

The Purge: Election Year


O terceiro e último filme de uma das trilogias de terror de mais sucesso dos últimos anos, que não podia ter saído num melhor ano do que 2016, ano de eleições americanas. O filme teve de bilheteiras 113.3 milhões de dólares, sendo o filme que mais receitas teve da trilogia, e foi produzido com 10 milhões de dólares, o que o torna um sucesso. As críticas são mistas, não dizendo que o filme é mau, também não é uma obra de arte, estando a meio das tabelas de quase todas as críticas.
O filme começa com uma família atacada na noite em que a purga é feita, deixando uma só sobrevivente, que mais tarde se torna senadora e candidata a presidente dos Estados Unidos, sendo defensora do fim do regime de purga. A acção começa quando no ano das eleições, a candidata Charlie Roan se expõe mais na noite da purga e é preparado um ataque para a matar, sendo que o seu guarda costa, Leo Barnes protagonista do filme anterior, e alguns dos seus apoiantes farão tudo para a manter viva com esperança que ela ganhe as eleições e acabe com a purga.
Esta era uma saga que gostei desde do primeiro filme e percebi logo que era diferente de muitos outros filmes do género porque mistura politica e a loucura humano no seu extremo e como essa junção pode ser perigosa. Num ano em que os Estados Unidos vão a eleições e um dos candidatos, poderia muito bem implantar este regime que vimos nesta saga, a ideologia e a história deste filme não poderiam fazer mais sentido. Sendo este o último filme, os argumentistas decidiram dedicar-se mais à história e deixar mais o terror de lado, o que pode aborrecer muitos, mas não deixaram de maneira alguma a sua imagem de marca que são as personagens instantâneas mas com um estilo e imagens fascinantes que vemos ao longo do filme, juntando armadilhas e efeitos visuais interessantes, o que garante a qualidade do filme, mas tornando-o mais num género de acção do que de terror. Esta é uma boa conclusão da saga mas deixa bem claro que não lhe vão pegar mais, tornando imperdivel para quem acompanhou os primeiros filmes, nem que seja para ver como termina a saga, mas não esperem um massacre em massas e o festival de gore que foi o anterior. 


Pontos Positivos:
- História
- Efeitos
- Som
- Personagens

Pontos Negativos:
- Pouco Gore
- Mais no mesmo

Rate: 7/10

2 comentários:

  1. Ainda só vi o primeiro, mas hei de ver o segundo e o terceiro. Este filme é meio louco mesmo.
    Nice post|
    Beijos!
    http://grandesonhadorablog.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado. o segundo é o mais interessante dos 3.

      Eliminar